PROCURAR

Congresso 2017

  • Presidente Reeleito Eng. António Monteiro
  • Membros da Direção do Partido
responsive jquery slider joomla

Notice: Undefined variable: root in /home/ucidcv/public_html/plugins/content/soccomments/soccomments.php on line 129

"Precisamos cuidar de Cabo Verde" - UCID

Ao iniciar mais um ano, cá estamos com determinação, confiança e lealdade para que possamos Cumprir Cabo Verde no nosso dia-a-dia com zelo a bem dos nossos irmãos cabo-verdianos.

O cidadão comum, trabalhador ou empresário, desempregado ou quadro médio, estudante ou funcionário público sofre e padece o efeito da tenaz crise económica, por um lado, e por outro da dependência estatal. A conjugação de uma grave situação económica com um discurso oficial de pensamento único, de autoelogio maniqueísta e de otimismoexagerado produz uma atmosfera propícia ao medo e ao receio do exercício da liberdade crítica e da assunção pública da divergência.

Precisamos cuidar de Cabo Verde, cuidando do Cidadão como ente superior da Natureza. A liberdade só será possível quando os cidadãos se sentirem que as suas necessidades e fraquezas são colmatadas pela sociedade onde estão inseridas. Este é o grande desafio que temos pela frente e que exige de todos nós, principalmente aqueles que esta mesma sociedade confiou a resolução dos problemas, uma procura incessante das soluções, ou seja, uma resposta credível as distorções do sistema.

Precisamos associar a palavra liberdade o conceito da competência, pois só assim Cabo Verde poderá continuar a sonhar com uma sociedade verdadeiramente livre e democrática.

Precisamos abandonar o amadorismo e a arrogância e entender que os interesses da nação devem estar acima de interesses partidários ou de grupinhos. Precisamos envolver mais a sociedade civil no processo democrático e nas tomadas de decisão.

Precisamos também de uma sociedade civil mais interventiva e ativa, deforma ordeira e respeitosa para exigir uma maior atenção do governo aos problemas destas Ilhas, igualdade de oportunidades entre as ilhas e para todas as ilhas, uma regionalização política, com verdadeira autonomia para o desenvolvimento de economia de cada uma e bem-estar da população, e haverá sim felicidade e paz em todas as ilhas.

Continuaremos a observar, inteirar, visitar, ouvir com atenção tudo o que o povo quer dizer para podermos ser melhores representantes daqueles que confiam em nós.

Continuaremos a ser porta-voz dos seus problemas, das suas dificuldades para que realmente o que foi prometido seja cumprido pelo governo.

Portanto, queremos mais justiça e equidade social, mais trabalho para os que precisam, lutar para acabar com a miséria no país, mais de 170 mil pobres cerca de 35 % da população, eliminar as casas de lata e os tetos a cair, lutar para diminuir o desemprego, lutar para mais saúde, melhor educação, mais atenção aos idosos, às nossas crianças, mais justiça, que seja rápida e eficaz, isto também é democracia.

Terminaremos, fazendo um apelo aos cidadãos, dentro e fora do pais, aos que escolheram viver nesta nossa terra, aos partidos políticos que juntemos humildemente trabalhemos para o desenvolvimento do nosso pais, para que tenhamos melhores condições para todos neste 2019, para viveremos todos com felicidade, paz, harmonia, humildade, tolerância e respeito.

Como cristãos, pedir misericórdia de Deus, pedir chuva, chuva para que os campos produzam e haja fartura

Vos desejamos um ano de bênção, a todos os níveis.

Extracto da mensagem de Ano Novo proferida pela Vice-presidente da UCID, Dra. Dora Pires no TEMPO DE ANTENA NA RCV